quarta-feira, 13 de maio de 2009

ENTREVISTA COM DR. ORLANDO ALVES DA SILVA

"As técnicas de diagnóstico, de prescrição e acompanhamento são diferentes do trabalho clássico da medicina e exigem uma aprendizagem prévia específica"

O cérebro e suas complexidades

O oftalmologista português Orlando Alves da Silva é chefe do serviço hospitalar do Hospital Universitário Santa Maria, de Lisboa. Presidente-fundador da Associação Portuguesa de Posturologia Clínica e Dislexia e fundador do Grupo Português de Oftalmologia Pediátrica e Estrabismo.Participou, do 1º Curso Internacional Integração Sensorial, promovido pelo Hospital de Olhos Dr. Ricardo Guimarães de Belo Horizonte. Nesta entrevista, ele explica o que é sistema proprioceptivo e quais são os sintomas de distúrbios neurológicos.

O que significa sistema proprioceptivo?

É um sistema neurológico que integra as informações que chegam ao cérebro sobre o estado do corpo e a relação entre o corpo e o espaço que o rodeia. Ele recebe informações provenientes de múltiplos captores, como pele plantar, músculos, articulações, mucosas, língua, sistema visual, sistema coclear (auditivo), integra e contabiliza todas essas informações e expede as ordens necessárias para as fibras musculares do organismo de contração lenta que realizam a ação. É um sistema complexo com múltiplas entradas e saídas às quais se associam mecanismos de feedback ou retroalimentação. Esse sistema influencia a maioria das funções do organismo que se processem por meio de ondas de baixa freqüência (ondas delta e teta).

Quais são as principais patologias relacionadas ao sistema proprioceptivo?

Sempre que o sistema proprioceptivo entra em disfunção, os sintomas são múltiplos e ocorrem em vários departamentos do organismo. Vertigens, dores musculares e cefaléias, enxaquecas, sensação de náusea e perturbações vasculares podem causar perturbações cognitivas e distúrbios de aprendizagem. Verifica-se que neles há baixa do rendimento escolar. A criança progride na escola abaixo de sua capacidade de inteligência e do esforço que desenvolve. Pode observar-se a dislexia (dificuldade na leitura), a discalculia (dificuldade no raciocínio matemático), a disgrafia (letra irregular, mal desenhada, fora das linhas e sem respeitar espaços), a dislalia (dificuldade na articulação das palavras), a disortografia (erros ortográficos aleatórios ao longo do texto), déficit de atenção, hiperatividade ou, em outros casos, fadiga inexplicável, mesmo pela manhã, antes de qualquer esforço.

É possível que qualquer médico consiga diagnosticar problemas nessa área?

A maior parte dos médicos não tem formação nessa área porque o sistema proprioceptivo é pouco falado nas faculdades de medicina. Cada especialista se ocupou de um segmento do corpo humano e pouco a pouco foi perdendo a noção de que o nosso organismo é um todo. Como o sistema proprioceptivo tem fatores múltiplos, ele depende de uma abrangência ampla do corpo humano. Dezenas de sintomas identificados diariamente nos consultórios podem representar uma falha na propriocepção, por isso os profissionais da saúde que têm contato com essas pessoas precisam se esforçar, tentando compreender seus sintomas.

O que os familiares ou o próprio paciente devem investigar para saber se estão com algum distúrbio desse tipo?

Neste momento, existem no Brasil seis centros, em breve sete (o Hospital de Olhos Dr. Ricardo Guimarães), com o conhecimento necessário para fazer o diagnóstico dessas situações. Fora desses centros o diagnóstico não tem possibilidade de ser feito, já que os profissionais não treinados atribuem os sintomas existentes a outras causas. Tentarão dar remédios para atenuar os sintomas, mas nunca conseguirão identificar e tratar a doença. Familiares ou pessoas que apresentam um ou mais sintomas descritos podem procurar esses centros especializados para investigar detalhadamente a causa. Existem também sintomas, como dores cervical, dorsal, lombar e até se assemelhar a uma dor ciática, mas, nesse caso, ela se deve a uma contração do músculo piriforme que aperta o nervo ciático. Pode haver uma dor inguinal, que se assemelha à dor da apendicite, mas que é devida à pressão da porção intrapélvica do músculo piriforme. Outros sinais são mãos frias mesmo em ambientes quentes, a palidez da pele (que se normaliza em poucos minutos depois do tratamento proprioceptivo), quedas inexplicáveis, choques contra os objetos, sem que haja qualquer lesão no ouvido ou no cerebelo, e tonturas. Além disso, a pessoa tem dificuldade em perceber a posição exata de cada segmento do seu corpo em relação aos outros segmentos ou ao espaço. Morde a bochecha ou a língua sem querer, tropeça sem razão aparente, derruba objetos, despeja líquidos fora do recipiente onde pretende colocá-los, se sente mal em grandes espaços que não tenham pontos de referência. Os profissionais especializados têm técnicas específicas para detectar a disfunção proprioceptiva e avaliar os resultados do tratamento.

Como é o tratamento que o senhor propõe de utilização de lentes com primas? Como funciona?

O tratamento consiste em normalizar o funcionamento do sistema proprioceptivo através de novas informações de forma integrada, como a reprogramação postural, as palmilhas posturais, a ergonomização do mobiliário e os prismas ativos. Os prismas atuam sobre a via retinocolicular, que é a via proprioceptiva visual, responsável pela percepção da localização do corpo no espaço. Cada uma dessas técnicas atua sobre captores específicos. Em relação aos sintomas físicos, a normalização é imediata e pode verificar-se logo no primeiro momento. Quanto aos sintomas cognitivos, são necessárias algumas semanas ou meses de maturação para se observar os primeiros resultados. Em termos gerais, verificamos que aos 4 meses de tratamento, mais de 90% dos casos que cumpriram o tratamento recomendado apresentam melhorias muito significativas.
Ellen Cristie do site: http://www.saudeplena.com.br

37 comentários:

  1. Muito interessante e esclarecedor. Onde estão localizados os centros que atendem pessoas com sintomas destas disfunções?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá sou de Recife e atendo pacientes com o uso das lentes prismatica rucenitaqueiroz@ig.com.br

      Tem o HOPE e o Altino Ventura com a avaliação oftamologica.

      Excluir
  2. Um optimo médico, um dos melhores do mundo, tenho muito a agradecer-lhe nestes anos todos que fui sua paciente! Respondendo ao comentário anterior o Dr.Alves da Silva tem um consultório em lisboa na rua Castilho. Aconcelho :)

    ResponderExcluir
  3. Jorge Silva
    Foi diagnosticado à minha filha de 18 anos o SDP,pelo Sr Dr Alves da Silva que foi recomentado pelo Sr Dr Alves da Cunha .
    Já fui encomendar os oculos prismáticos e já comprei as palmilhas UV , no entanto estou cada vez mais preocupado porque agora está a acontecer uma situação diferente pelo menos uma vez por dia , que é um tremor na perna direita muito intenso que passa após cinco ou dez minutos , o que deixa a minha filha Andreia extremamente nervosa e cansada.
    Gostaria de saber se este sintoma também faz parte da SDP e o que devo fazer para melhorar esta situação.
    o mail é cjorgecsilva@sapo.pt
    estou desesperado por noticias e por palavras de outras pessoas que já tenham mais experiencia do que eu.
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá sou de Recife e - Brasil tenho alguns pacientes que usam as lentes prismaticas, aconselho vc procurar o medico que te passou as lentes e relate o que vem ocorrendo. Aqui em Recife nenhum caso de sintomas foram relatados eu mesma uso as lentes desde de 2007. Tem que fazer a revisão a afinaçao das lentes.

      Espero que eu tenha lhe ajudado

      Excluir
  4. Boa Tarde

    Tambem me diagnosticaram SDP, estou muito baralhada, tenho sintomas estranhos .
    Tenho medo que seja outra coisa .
    vera.piressilva@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi vera vc ja fez a revisão dos prismas? e o acompanhamento com outros especialista para a reprogramaçao da postura e o treino cognitivo ? Esse me parece um sintoma de que suas lentes estao fora do eixo, procure novemente o oftamologista

      Excluir
  5. Vcs conhecem centros terapeuticos em São Paulo ( Brasil)? Grata , Simone ( drasimonepires@gmail.com )

    ResponderExcluir
  6. Olá Dra Simone
    Para tratamento da SDP, só conheço o HOPE - Hospital de olhos de Recife - Com Dra Liana Ventura - tel: 81.33022040 -
    Boa sorte

    ResponderExcluir
  7. Boa tarde,
    Gostaria de saber se no Algarve existe algum sitio onde fazem este tipo de tratamentos pois sofro muito com tonturas e zumbidos.
    Obrigada,
    Sandra
    (snclara@ana.pt)

    ResponderExcluir
  8. Já são conhecidos os resultados dos estudos mandados efectuar em França? Não há entrevistas com oftalmologistas em Portugal,Brasil, França,Inglaterra,Espanha?Era importante sabermos o que pensam os Hospitais em Lisboa sobretudo Santa Maria onde o Dr. Alves da Silva é Director do Serviço de Oftalmologia e por exemplo o Dr. Travassos em Coimbra e o Dr. Luís Cabral em Lisboa .

    ResponderExcluir
  9. Já são conhecidos os resultados dos estudos mandados efectuar em França? Não há entrevistas com oftalmologistas em Portugal,Brasil, França,Inglaterra,Espanha?Era importante sabermos o que pensam os Hospitais em Lisboa sobretudo Santa Maria onde o Dr. Alves da Silva é Director do Serviço de Oftalmologia e por exemplo o Dr. Travassos em Coimbra e o Dr. Luís Cabral em Lisboa .

    ResponderExcluir
  10. A menina Andreia já voltou a conversar com o Prof. Alves da Silva?O que é que ele diz ao que está a ter ?

    ResponderExcluir
  11. A Vera continua a estar baralhada ? O Dr .Alves da Silva o que disse ao que estava a passar-se consigo?O que é que ele lhe receitou ? Já consultou outro oftalmologista para ter mais uma opinião? Sabe que o Dr. Alves da Silva é um médico conceituado e portanto não é um feiticeiro como alguns pensam que ele é .Os trabalhos dele estão a ser estudados na França E DE CERTEZA QUE JÁ SE CONHECEM OS RESULTADOS DESSE ESTUDO.nÓS É QUE AINDA NADA PUBLICADO SOBRE ISSO .Tenha calma.

    ResponderExcluir
  12. Gostava de saber quanto é que se começam a notar alguns resultados após colocar as lentes prismaticas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi o resultado e imediato, mais no que se refere aos sintomas como a dislexia e dificuldade na aprendizagem exige que tenha o treino cognitivo e a reprogamação postural.

      Excluir
  13. Boa noite

    Gostaria de saber se em França na zona de Lyon, existem oftalmologistas especializados em visão perismática.

    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá veja esse link e tire sua duvida sobre os especialistas que trabalham com o método de Dr. Orlando.
      http://www.facebook.com/postura.ca

      Excluir
  14. Temos em Brasilia DF a oftalmologista Isabela Garcia, a fisioterapeuta Ana Virginia Nobre e o odontológo Saulo França Teles que atuam na SDP.
    Mais informações no saulo@biocyber.com.br.

    ResponderExcluir
  15. Amigos de Portugal
    Infelizmente não tenho muito conhecimento sobre o que se passa por aí, ou mesmo pela Europa.
    Sei que o Dr Alves da silva é oftalmologista e trata a SDP, e foi ele quem atendeu a minha filha, quando veio ao Brasil. O resultado é praticamente imediato, fazendo com que o cérebro entenda e conserte as visões duplas.
    Um abraço, e obrigada pelos comentários.
    Boa sorte a todos!

    ResponderExcluir
  16. Em São Paulo pode-se procurar o Dr. Paulo Sampaio no CRDA.
    Ele trabalha na mesma linha, também é oftalmologista especializado em distúrbio de aprendizado.

    ResponderExcluir
  17. olá, a minha filha tem um defict de atenção muito grave, toma imensa Ritilina, fui ao Dr. Orlando, está a usar os oculos e todos os acessorios para a postura, desde Maio, a unica melhoria foi na memoria, o Defict de atençao continua igual. Será que ainda é cedo? a promessa era um mes!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. me tira uma dúvida, sua filha teve ou tem acompanhamento com especialista para o treino cognitivo e a reprogramação postural ? O método do Dr Orlando como o proprio me orientou tem que haver um conjunto, pois as lentes ajuda no relaxamento da musculatura ocular, mais deve existir os exercicios para haver uma melhorar mais eficaz dos sintomas. rucenitaqueiroz@ig.com.br

      Excluir
  18. Pessoal, vi lá atrás paciente se referir a tremores de pernas, então esse fato pode ser possivel mas deve passar logo. Não deve permanecer por muito tempo.
    Quando se faz a reposturação ou pelos prismas ou por aparelhos móveis na boca, o paciente melhora muito.
    Saulo Teles
    BioCyber - Odontologia Proprioceptiva.
    61 3326 4643.

    ResponderExcluir
  19. O Dr. Alves da Silva ajudou-me bastante com as lentes prismáticas. Só lamento não ter usufruído das lentes prismáticas há mais tempo. Os resultados traduzem-se num enorme conforto e sentido de adequação ao meio. Tenho hoje 44 anos, trabalho na comunicação social e era estrábica em criança. Na altura, a única solução conhecida era operar e fazer alguns exercícios muito cansativos. Apesar da melhoria, as intervenções acabaram por sacrificar o nervo ocular: o olho perde mobilidade e já não suporta intervenções futuras. Os métodos do Dr. Alves da Silva são não invasivos, melhorando a condição do sujeito sem efectuar danos. No seu consultório são também aconselhados o uso de colchões específicos, posturas ideais para dormir, sentar ao computador, etc. Até agora, parece não haver melhor.

    ResponderExcluir
  20. Boa Tarde,

    Alguém me pode informar onde se pode marcar consulta em Portugal com o Dr. Alves da Silva?

    ResponderExcluir
  21. Sou Osteopata/Fisioterapeuta e já enviei alguns pacientes para o professor Alves da Silva, com muito bons resultados.

    Tenho conhecimento de outros casos que me foram relatados, em que o sucesso não foi completo, que para mim tem a sua explicação. Quando alguem procura uma consulta deste género, normalmente já tráz muitos anos de más posturas e de dores que são também o reflexo de disfunções articulares e fasciais, próprias da adaptação normal do corpo a qualquer problema. O trabalho com lentes prismáticas pode estar indicada na maioria das vezes, mas não nos podemos esquecer dos tais problemas articulares, fasciais e até por vezes viscerais, que também têm de ser tratados. E é esta parte que me compete como osteopata e talvez por isso o sucesso neste tipo de casos.

    Para mais esclarecimentos, podem contactar-me pelo mail franciscofelix@terapiaosteopatica.com ou podem ver o meu sitwww.e terapiaosteopatica.com

    ResponderExcluir
  22. O Dr Alves da Silva tem consultório no Algueirão, Sintra e em Lisboa. Sou doente dele à 30 anos, á cerca de 22 tenho SDP. Não faço ideia do que seria a minha vida se não tivesse diagnósticado o SDP. Resolve-se com prismas e regras básicas de postura. Para consultas contactem o Oculistas Central de Mem Martins. Boa sorte

    ResponderExcluir
  23. Boa noite a todos, li vossos comentários, e também estou na fase inicial do tratamento, tenho 20 anos de dores em todos os musculos,articulações, além de todos os sintomas que caracterizam a SDP, a 15 vaios especialistas concordaram que o que eu tinha era fibromialgia, pois tinha todos os pontos de dor que caracterizavam a doença.Estou a um mês a fazer o tratamento, digo que estou 90% melhor, e achei importante dizer que no inicio do tratamento o afinamento das lentes é muito importante! A cada progresso, surge sintomas que varias pessoas têm e são diferentes, e normal, a medida que vamos corrigindo a postura , onde fizeram os óculos deve ter com certeza oftalmologistas que afinam, ou seja, reposicionam os prismas, as lentes de afinação, quando aparecem sintomas especificos em cada usuário, em mim a barriga inchava, começava a doer a cervical, ou dores de cabeça e enjoo, mas a mais sintomas,sou paciente do Dr. Alves da Silva e do dr. Alves da Cunha, e sempre que tenho dúvida falo com eles, o maravilhoso de ser paciente deles, é justamente a presença e o acompanhamento, ir ao consultório deles e ouvir os relatos de muitas pessoas, é maravilhoso, eu pessoalmente, não preciso de comprovação de mais ninguém, fui para eles por ver uma grane amiga, se tornar uma pessoa nova, curada em 2 meses, e que sofria de fobias e dores ahá anos!

    ResponderExcluir
  24. O meu filho também e seguido pelo Dr. Alves da Cunha e pelo Dr. Orlando Alves Silva nada tenho a dizer a não ser que estou satisfeita ele tem apenas 5 anos tem vários problemas tem um síndrome raro. Também usa lentes prismáticas e as palmilhas ,em pouco tempo começamos a ver resultados ele não fala intende tudo também tem um défice de ATM que tem que ser tratado . A sua postura melhorou bastante está mais confiante o seu nível de atenção melhorou e esta mais interactivo e e uma criança muito inteligente . Foi a imensos médicos e seguida por muitas especialidades e nenhum deles fez rigorosamente nada . Tenho muito a agradecer ao Dr. Alves da Cunha que o tem ajudado imenso .
    O Dr. Alves da Cunha tem consultório no cacem por cima do Aguava-shopping, Dr. Orlando na rua Castilho em Lisboa.

    ResponderExcluir
  25. Sou mãe de duas crianças dislexas, uma delas tem dislalia e disgrafia, meus filhos fazem tratamento com fonoaudiólga desde os dois anos de idade, encontram-se com 9 anos, sem resultado. Gostaria que me fosse indicado URGENTE UM CENTRO DE REFERÊNCIA EM DISLEXIA NO BRASIL, PRINCIPALMENTE, NO RIO DE JANEIRO OU MAIS PRÓXIMO DO MEU ESTADO. EMAIL PARA CONTATATO: pvrbdp@gmail.com

    ResponderExcluir
  26. Sou mãe de um menino de 8 anos ao qual o Prof. Orlando Alves da Silva diagnosticou a Sindrome de Deficiencia Postural há 7 meses. Desde que usa os oculos de prismas activos o meu filho deixou ter dores nas costas, dores que o atormentavam há 2 anos sem que os ortopedistas e pediatras as conseguissem solucionar, os resultados na escola estão a ser surpreendentes, deixou de ter tonturas permanentes e deixou de "querer morrer" pois "não gostava da sua vida". É uma criança feliz a adaptada. Obrigada Prof. Orlando Alves da Silva.

    ResponderExcluir
  27. Caríssimos,

    não se deixem enganar por estes velhacos, que são o Alves da Cunha e o Alves da Silva. Não digo que não existal tal coisa como o SDP, existe e foi diagnosticado pela primeira vez pelo pai do Alves da Cunha. Mas não apurar especificamente o que isso seja, categorizando diferenciadamente por casos, é um erro. Mas não é um erro ter, num consultório de clínica geral um optometrista pronto a afinar as lentes de todos aqueles a quem é diagnosticado SDP. Não é erro, é crime. O Sr. Alves da Cunha crê que tudo o que lhe surge pela frente é SDP. E claro, as pessoas com doenças não diagnosticadas, contam a outras que houve um médico que lhes diagnosticou a doença num instante. É assim que chegam outras, desesperadas, e que são prontamente diagnosticadas com SDP! Passei pelo mesmo. E vi muitos passarem pelo mesmo. Do Alves da Cunha passei para o consultório do Alves da Silva que, conceituado ou não, é uma nódoa como médico. Eu vi, claramente, o indivíduo a desviar a caneta no teste da mão marcada com o estúpido risco. Faz sempre o mesmo. Depois, vieram o colchão, as palmilhas de tecnologia soviética perdida, os exercícios posturais, e claro, os benditos óculos de lentes prismáticas. Foi-me dito que se não fizesse tudo aquilo estaria inválido dentro de três anos. Passaram-se seis (devo ser ultra-resistente). Mais, depois de inúmeras discussões e de uma tentativa de agressão minha ao Alves da Cunha (assumo-o sem arrependimento), fui por ele recebido e ele finalmente cumpriu a promessa de me dar uns comprimidos que me curariam de vez. O que me deu foram comprimidos proibidos pela Ordem dos Médicos (por provocarem frequentemente morte súbita) e fora de prazo.
    Boa sorte, pois se continuarem reféns disso irão precisar dela!

    ResponderExcluir
  28. Muito possivelmente, alguns destes comentários de anónimos são os próprios tentando visceralmente uma defesa. Conheci-os a todos muito bem. Ao Optocentro terei ido quase uma centena de vezes (os óculos estavam sempre desafinados) ao consultório do Sr. Cunha, metade disso.
    Aliás, a estética e a ética andam aliançadas. Já viram bem o consultório do Alves da Cunha? Os quadros horrendos, os bonequinhos do Sporting, o mobiliário inadjectivável, a música de Marco Paulo a tocar aos altos berros? É tão piroso quanto intelectualmente incapaz, quanto eticamente inexistente. Considera-se um santo porque atende pessoas até às 5 da manhã! Fiz as contas... se começasse a atender às 9 e não às 15... enfim, é tirar ilações.
    Aquilo não é apenas um esquema. A vida não é assim tão dicotomizável. Aquilo é um estado de confusão imenso, misturado com uma incompetência fundamental (esteado porém em investigações anteriores correctas), e mesmo com alguma noção de inverdade, que redunda numa máquina de trucidar doentes. Que algumas pessoas acidentalmente ou por efectiva detenção do sindroma (o que me custa a crer) possam ter melhorado não está em causa. O que está em causa é que aquela gente diagnostica na maioria o que as pessoas não têm. Antes de vos falar, recolhi dezenas de casos. O meu é só mais um!

    ResponderExcluir
  29. Com opiniões tão díspares, qual é a verdade afinal?
    Custa-me a crer que estes milagres das lentes prismáticas sejam reais... ou serão os próprios médicos a escrever?

    Como é que se pode avaliar um doença em apenas 5 minutos com testes perfeitamente empíricos? O teste dos pés paralelos daria sempre resultado, pois qualquer pessoa diria que tem o pé de trás a apontar para a esquerda. O teste da caneta, em que o próprio médico desvia a caneta da mão do paciente... enfim. Outros dois testes em que o Dr. Alves da Silva desalinha as suas mãos (nos ombros / no pescoço) propositadamente para dar os resultados que ele quer. Alguém isento pode dar uma resposta?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os resultados das lentes são reais sim, tenho experiências com várias pessoas que e pude comprovar pessoalmente os relatos de diversos pacientes. Como vc, também fiquei discrete no método até ter coragem de buscar respostas e pesquisar sobre o assunto. Moro em Recife. É depois dos teste que fiz com pacientes que usavam prisma pude comprovar o seu real funcionamento. Sou psicopedagoga e posso garanti os resultados do tratamento com provas reais de testes antes e depois do uso do prisma. Crianças e pessoas que apresentaram problemas de aprendizagem tiveram grande ganhos no decorre do tratamento.

      Excluir
  30. olá a todos,
    Venho relatar o meu caso.
    Fui à clínica do Dr. Alves da Silva recomendado por uma pessoa que diz que ele lhe salvou a vida porque ela de facto, já não conseguia sequer viver com desmaios, vertigens, vómitos etc etc, e então lá ia eu, depois de ter passado por todos e mais alguns médicos, a pensar que alguém me ia tirar deste tormento que são as vertigens e os zumbidos.
    Cheguei lá e o Dr. fez-me o tal teste da caneta, mandou-me colocar os braços para cima e perguntou-me se os ombros estavam pesados ao qual respondi que sim e pediu-me para me lembrar que os mesmo estavam pesados, outro "exame" foi que ao abrir a minha boca eu me lembrasse que só conseguia colocar 3 dedos. Pediu-me também que olhasse em frente e tentasse colocar os pés o mais direito possível sem ver, qual não é o meu espanto que olho e os pés estão todos tortos. Eis então, que ele me coloca os óculos com prismas e já consigo acertar na caneta, os ombros estão leves, dentro da minha bota já consigo colocar 4 dedos e em relação aos pés continua igual. Eu achei que era de facto a minha salvação e que ia voltar a ter uma vida normal. Fui consultada por uma fisioterapeuta (ou outra coisa qualquer) que me ensinou como dormir, como me sentar e como fazer um exercícios de relaxamento para a coluna. Achei aquilo fantástico e que parecia fazer todo o sentido. Fui de seguida comprar umas palmilhas, uma goteira para dormir e os prismas. Já no sitio onde comprei as palminhas e a goteira, o senhor que lá estava me quis impingir tudo e mais alguma coisa que era para o meu bem e blá blá blá. Assim que coloquei os prismas, senti-me logo pior, parecia que estava na quinta galáxia mas disseram-me que era só nos primeiros 3 dias e que ia passar. Passou-se uma semana e aquela sensação esquisita de chão a cair não passava, porém começou a ficar mais normal mas nunca me habituava aquilo, não conseguia focar o olhar para os objectos e as imagens vinham por arrastamento. Entretanto fui lá porque os prismas poderiam estar mal afinados, afinei e disseram-me que era melhor ir ao consultório do Dr. ao qual fui e ele me afinou os óculos ou tentou porque eles estavam na mesma. Ele disse-me para eu continuar a fazer os exercícios que aquilo ia ao lugar mas não foi. Fui lá 3 vezes ao consultório e ele disse-me que já devia estar melhor e que não percebia porque não estava. Gastei um balúrdio e estou na mesma. Não me habituo aos óculos, fico pior, nem consigo tê-los na cara. Não sei se é porque não os conseguem afinar ou se o meu caso não é SDP. Fiquei com menos dinheiro na conta e com a qualidade de vida cada vez pior. Ando em outros especialista para tentar descobrir o que se passa mas até agora nada. Estou a pensar em ir ao Optocentro para me devolverem o dinheiro mas como já passou 2 meses não sei se me devolvem, não custa nada tentar. E com isto, para dizer que todos os casos são diferentes, no meu não resultou mas no da pessoa que conheço resultou pois as vertigens acabaram.

    Se entretanto alguém que tiver o mesmo problema que eu e que tenha descoberto um médico que ajudou, contacte-me para o meu e-mail: rsantos1991@hotmail.com

    Obrigada,
    Rita dos Santos

    ResponderExcluir